sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Serra Serata começa este mês

O evento ocorre de 26 de setembro a 1° de outubro (Divulgação)

Depois de celebrar a cultura japonesa, com o Bunka-sai, Petrópolis se entrega à influência italiana – presente em seus mais de 115 mil descendentes de imigrantes – com a Serra Serata, A Festa Italiana de Petrópolis. De 26 de setembro a 1° de outubro, o Palácio de Cristal vai se transformar em uma verdadeirapiazza italiana valorizando a cultura, costumes e, claro, a gastronomia reconhecida como uma das mais apreciadas no mundo todo. O prefeito Bernardo Rossi recebeu a diretoria da Casa D'Italia Anita Garibaldi para ajustar os detalhes do evento, que chega a sua oitava edição.
“Esse é mais um evento que resgatamos cada vez mais as nossas influências na cultura, na dança, música e também na gastronomia. É um evento que vai além da culinária, mas que preza pela tradição dos povos que contribuíram para a formação da nossa cidade. Queremos fortalecer a parte cultural da festa e unificar a organização junto com a Casa D’Italia e o senhor, Pasquale Cutrupi, que é o grande anfitrião da nossa festa”, disse o prefeito Bernardo Rossi ao presidente da Casa D'Italia Anita Garibaldi.
A Serra Serata se originou da Festa Italiana que foi realizada por quatro anos em Cascatinha, distrito onde muitos imigrantes se estabeleceram para trabalhar na Companhia Petropolitana de Tecidos. Para Pasquale Cutrupi, além do apelo turístico que a festa ganhou, o evento tem grande importância pela participação de imigrantes italianos no desenvolvimento de Petrópolis.
“Temos que entender a justificativa para esse evento na cidade que tem 115 mil descentes de italianos entre a 2ª, 3ª e 4ª geração. É o nome do povo que tem influência em Petrópolis. Concordo que a Serra Serata é mais charmosa no Palácio de Cristal, que já é um grande atrativo para os turistas e isso é muito importante para a festa. No ano passado foram 45 mil pessoas na festa. Meu desejo é que a cidade fique no contento da festa. E suas palavras simples e claras, prefeito, demonstram a importância da festa para a cidade. Estamos à disposição para dar apoio e ajudar no que for preciso”, disse Pasquale.
O encontro contou com a participação dos representantes do Instituto Municipal de Cultura e Esportes e TurisPetro, que organizam mais essa festa em parceria.

“O público terá mais um grande evento com uma programação pensada especialmente para valorizar e exaltar essa cultura que tem grande influência em todos nós, petropolitanos, mas acho que em todos os brasileiros. O que faz da nossa cidade tão rica e diversa”, disse o diretor-presidente do IMCE, Leonardo Randolfo. “É mais uma festa que destaca e divulga as nossas origens, sendo também fomentadora do turismo. É uma grande oportunidade de moradores, nossos turistas e visitantes apreciarem uma cultura tão forte nas artes e na gastronomia”, completa o secretário de Turismo, Marcelo Valente.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário