quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Petrópolis terá o 1ª Evento da Cultura Panc

Chef Barão Vieira

Um evento de gastronomia totalmente inovador irá agitar a cidade nos dias 22, 23 e 24 de setembro, no Bistrô Divina Sálvia, na Estrada do Rocio 3507, tendo como tema "A Cultura PANC da Serra de Petrópolis em fusão com a Gastronomia Italiana”.
O encontro cotará com a participação da Chef Ana Ribeiro, Chef Barão Vieira, Chef Roberto Duarte (foto à esquerda), Chef Alexandre Costa, Chef Walmir, Chef Paulo Olivia e Chef Marcos Lôbo (foto à direita), que usarão sua criatividade e experiência em palestras, aula de campo e workshop com direito a menu degustação para alunos de gastronomia, donos de pousadas e interessados em conhecer sobre essa cultura.
“Será um evento de troca de conhecimento em nossa área com a cultura PANC da serra. Mesmo com toda esta preocupação em mostrar as comunidades que podemos ter uma alimentação mais saudável, além da importância de comer bem para fazermos a diferença”, conta Chef Marcos Lôbo. Para participar, basta fazer a inscrição através do email: mlobo199@yahoo.com.br. Informações e forma de pagamento: (24) 988464452 (falar com Juliana Lima Verde). As vagas são limitadas.

Cultura Panc
As Plantas Alimentícias Não Convencionais (Panc) vêm chamando a atenção de cozinheiros criativos, chefs e de pesquisadores engajados em torná-las mais acessíveis aos consumidores.
No final do ano passado, por exemplo, os pesquisadores Valdely Ferreira Kinupp e Harri Lorenzi, ambos ligados ao Instituto Plantarum, em Nova Odessa, lançaram um verdadeiro compêndio: Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC) no Brasil (Editora Plantarum), que abarca (ou introduz) 351 espécies de Panc (nativas ou não), de maneira ilustrada e, de quebra, traz receitas elaboradas pelo chef Andrew Buschee, do restaurante Bravíssimo, de Nova Odessa.
A sigla Panc, aliás, foi criada por Kinupp, biólogo e pesquisador de espécies nativas com valores nutricionais, em 2008. Trata-se de plantas de fácil propagação, que se adaptam a condições de solo e clima e que, em função das mudanças nos hábitos alimentares, deixaram de ser consumidas, passando a ser encaradas como daninhas.
Serralha, beldroega, azedinha, bertalha, almeirão de árvore, caruru, folha de quiabo, jambu, mastruz e palma forrageira são exemplos. Coube a uma leva de interessados voltarem a olhar para elas com mais carinho. Elas são nutritivas, ricas em aromas, cores e sabores, úteis à finalização de pratos, pouco conhecidas, porém.

Programação

Dia 22
De 8h as 12h:  Aula de Campo só com os Chefes pela manhã e pela tarde Aula de campo para quem fez as inscrições com o fechamento no Bistrô. (coffee break).

Dia 23
De 8h30 as 9h30: Chef Marcos Lôbo com o tema “A Cultura PANC em geral e na serra de Petrópolis”.
De 09h45 as 10h45h: Chef Barão com o tema “Cozinha Italiana e sua junção com a PANC”.
De  10h55 as 11h55h: Chef Alexandre Costa com o tema “Pizza e sua junção com a PANC”.
Intervalo para almoço:  11h55 as 13h
De 13h as 14h: Chef Valmir com o tema “Salgados da cozinha Italiana com a junção da Cultura PANC”.
Apresentação do Programa Roteiro Gastronômico na Serra:  de 14h30 as 15h30 com o Chef Paulo Olivia.
De 16h as 17h Chef Roberto Duarte e o tema “Massas Italiana e sua junção com a Cultura PANC”.
De 17h15 as 17h45 com Mauricio Memória apresentando o Espaço Cultural e o Bistrô Divina Sálvia.

Dia 24
De as 08h as 9h com a Chef Ana Ribeiro e o tema Cultura PANC nos Restaurantes do Rio.
De 09h30 as 10h30: Aula show e com degustação dos pratos feita em dupla de Chefes. 
De 10h30 as 11h30: Aula show e com degustação dos pratos feita em dupla de Chefes. 
Intervalo de almoço de 12h até 13h
De 13h as 14h: Aula show e com degustação dos pratos feita em dupla de Chefes. 
As 15h30: Encerramento do Evento e entrega de Certificados para todos participante e Palestrante.





Nenhum comentário:

Postar um comentário