terça-feira, 5 de abril de 2016

Em busca da alimentação saudável

Nutricionista oferece oficinas para ensinar as crianças a comerem de forma saudável 



Nutricionista Bianca Strucchi

A obesidade não é mais apenas um problema estético, que incomoda por causa da “zoação” dos colegas. Criança gordinha não é sinônimo de criança saudável. Segundo a Organização Mundial da Saúde uma em cada três crianças de 5 a 9 anos está acima do peso. Na faixa etária de 10 a 19 anos, um em cada quatro (26,45) está acima do peso, segundo o IBGE. Isso indica que a obesidade é um risco cada vez mais presente na vida dos jovens de hoje em dia, o que é muito preocupante. Você sabia que nos anos 70, a relação de brasileiros obesos entre 6 e 18 anos em condições acima do peso eram apenas 3%, segundo a Fio Cruz? A nutricionista Bianca Strucchi, que responde pela campanha “Não à Obesidade Infantil” lançada pelo Petrópolis em Cena Produções no dia 20 de Março, no Theatro D. Pedro, em parceria com a Cia. Faz Assim Produções do Rio de Janeiro, vem se dedicando a um trabalho de conscientização dos pais em relação à alimentação dos filhos.
“As crianças em geral ganham peso com facilidade devido a fatores tais como: hábitos alimentares errados, inclinação genética, estilo de vida sedentário, distúrbios psicológicos, problemas na convivência familiar entre outros”, conta a profissional.
De acordo com a profissional, a obesidade infantil pode causar nos pequenos problemas considerados de adultos, como diabetes, colesterol alto, insônia e hipertensão. Essa criança também terá mais predisposição à obesidade no futuro.
Segundo a Fio o Cruz os alimentos gordurosos mais consumidos pelos pequenos são os famosos sanduíches (hambúrguer, misto-quente, cheesburguer etc.) que as mamães adoram preparar para o lanche dos seus filhos, as batatas fritas, os bife passados na manteiga são os verdadeiros vilãs da alimentação infantil.
“Em quase 100% dos casos da obesidade infantil a culpa é dos pais, pois as crianças costumam também a imitá-los em tudo o que eles fazem, assim sendo se eles tem hábitos alimentares errados, acaba induzindo seus filhos a se alimentarem do mesmo jeito”, diz a nutricionista.

Outros fatores associados à obesidade

Ansiedade e Depressão
Psiquiatras afirmam que por trás de um obeso sempre poderá existir um problema psicológico, agravando-se devido a nossa cultura onde a sociedade exclui os gordinhos de várias brincadeiras devido a sua situação. Isso só leva a criança ou adolescente a piorar porque quase sempre são tímidas e sentem-se envergonhadas, acabam se isolando e fazendo da alimentação uma “fuga” da realidade, isto é, quanto mais rejeitado, mais ansiosos mais comem.
Pessoas com sintomas de depressão sofrem alterações no apetite podendo emagrecer ou engordar. Algumas pesquisas comprovaram que a pessoa deprimida, geralmente não pratica atividades físicas e come mais doces, principalmente, o chocolate.

Fatores Hormonais
A obesidade pode ainda ter correlação com variações hormonais tais como: excesso de insulina; deficiência do hormônio de crescimento; excesso de hidrocortizona, os estrógenos, etc.


Fatores Genéticos
Algumas pesquisas já revelaram que se um dos pais é obeso, o filho tem 50% de chances de se tornar gordinho, e se os dois pais estão acima do peso, o risco aumenta para 100%. A criança que tem pais obesos corre o risco de se tornar obesa também porque a obesidade pode ser adquirida geneticamente.

Algumas dicas recomendadas para prevenir contra esse mal e ter uma vida sempre saudável:

·         Seguir uma alimentação balanceada, rica em frutas, legumes e verduras.
·         Respeitar os horários das refeições e não beliscar guloseimas entre um intervalo e outro.
·         Evitar alimentos gordurosos, como doces, frituras e refrigerantes.
·         Praticar atividades físicas sejam esportes no colégio ou academia, desde que
orientados por um profissional. Caminhar é a melhor pedida, pois qualquer pessoa pode.
·         Beba bastante água, pelo menos dois litros por dia. A água é importantíssima
no bom desempenho das funções do organismo, principalmente para quem pratica
atividades físicas, pois mantém o corpo sempre hidratado.

Oficinas gastronômicas
A nutricionista Bianca Strucchi realiza de palestras informativas sobre obesidade direcionada para escolas, clubes e academias. Ela também realizar oficinas nutricionais que ensinam os pais a elaborarem lanches deliciosos apenas com a substituição de alimentos mais saudáveis, de baixa caloria que agreguem valor nutricional. Conheça algumas delas.

Fitness – Aquelas  pessoas que sempre querem estar em forma com o corpo e se preocupam com o que comer no pré e pós treinos com alimentos low carb, com whey e baixo teor de calorias. Foram selecionados 16 receitas tanto doces e salgados com variedades, estarei elaborando as receitas, acompanhando e tirando todas as dúvidas referente ao tema.

Pães e bolos sem glúten – Em geral voltada para quem em algum momento acabou desenvolvendo a intolerância ou tem a alergia. Apesar de hoje ter mais acesso aos alimentos freegluten nada melhor fazer em casa, fresquinho. Selecionei em torno de 16 receitas com bolos e pães diversos.

Workshop e oficina infantil – ensinar as mamães sobre os cuidados com a alimentação após os 6 meses, mostrar a importância de introduzir alimentos saudáveis nessa idade, falar o que é importante evitar e o que é primordial nessa fase. Estarei elaborando papinhas doces e salgadas, dando sugestões para o dia a dia dos pequeninos.

A profissional
Natural de Teresópolis e radicada em Petrópolis, Bianca Strucchi é graduada em Nutrição pela FMP/Fase e cursa Pós-Graduação em Prescrição de Fitoterápicos e Suplementação Nutricional Clínica e Esportiva pela Universidade Estácio de Sá. É a nutricionista das Academias: One (Centro Histórico) e K2 Fitness (Bingen). Possui experiências em nutrição esportiva e clinica voltada a doenças crônicas (diabetes, hipertensão, hipo e hipertireoidismo, intolerâncias a glúten e lactose e obesidade). Atende em Petrópolis e Teresópolis em seu consultório ou, ainda, por Home Care ou Personal Diet.

Contato
Consultório: Rua do Imperador 288, sala 1018 Shopping Pedro II – Centro,
Petrópolis (RJ)
Telefone: (24) 98168-8708
Facebook/biancanutricionistapetro
Instagram: @biancanutricionistapetro
E-mail: biancarsnutricionista@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário