quarta-feira, 5 de agosto de 2015

O Papo de Adega virou Gourmet San!

Isso mesmo, vinho e comida japonesa em evidência...


por Flávia Medeiros*


 Sushi e vinho. (Divulgação)

Nesta edição, em homenagem ao Bunka-sai, trago um assunto diferente ou pelo menos curioso, falaremos de vinhos para sushi!
Calma, não me critiquem, eu sei que a bebida tradicional da gastronomia japonesa é o saquê, mas ele merece um trabalho de pesquisa e um papo mais elaborado.
“Afinal, algum vinho combina com comida japonesa?
O Japão é considerado um potencial consumidor de vinhos. É o 10º maior importador de vinhos no mundo e o primeiro da região Asiática. Em contra partida, a culinária japonesa ancorada pela fama do sushi, tem se expandido ao redor do mundo a partir dos anos 80, e se consolidado na Europa e na América. O encontro dessa iguaria com o vinho pode ser delicioso. 
A base do sushi é formada por peixe e arroz preparado especialmente para este propósito. Dentre os peixes há uma grande variedade como: salmão, atum, peixe branco, camarão e siri. Entre as verduras usadas estão cenoura, alho poró, beterraba, nabo, salsa e gergelim. O vinho branco, conhecido por harmonizar bem com o peixe, segue a mesma lógica quando se trata de sushi. 
O shoyo e a raiz forte são a parte mais complicada da harmonização de sushi e vinhos. O ideal é combater a estrutura do molho, daí então os mais indicados são os de boa acidez e frescor, como os brancos e os espumantes. As borbulhas e o frescor de um espumante combinam com o peixe cru e quebram com estilo a textura mais densa do arroz. 
A harmonização do sushi não está restrita a espumantes. Não existem restrições, o ideal é acompanhar a comida japonesa à base de peixe com vinhos espumantes, vinhos brancos secos e frutados ou até mesmo um tinto leve. Os da casta chardonnay, abraçam desde o sashimi até a parte quente do cardápio. Já o Torrontés, pode ser um grande aliado as entradinhas e “combinados” mais levinhos. Mas não esqueçam dos tintos, sim, eles podem surpreender você!
Vinho e sushi ainda é uma combinação pouco usual entre os consumidores brasileiros, mas depois de descoberta, pode sim se tornar a grande queridinha do fim de semana. 
Já existem vinhos elaborados especialmente para sushis, como o Oroya, produzido na Argentina, mas o mercado nos atende com outras castas. Portando a grande sacada nesta harmonização é simplesmente experimentar novas sensações e formar seu próprio conceito.
Quer uma ajuda por onde começar e ainda fazer uma surpresa de Dia dos Pais ao seu ídolo?
Em Petrópolis, temos o Sakurá Sushi, que abraçou a causa e está super bem preparado para harmonizar tudo para você.
Vale a pena conferir as harmonizações que a casa oferece!
O Papo Gourmet San fica por aqui, até a próxima!

(*) Consultora em vinhos e com especialização na área. No Brasil é uma das poucas profissionais que conta com a certificação Wine & Spirit Education Trust – Level 2. Contato: chateaumedeiros@hotmail.com 




Nenhum comentário:

Postar um comentário