quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Coxinha: o salgado preferido pelo brasileiro

Coxinha tradicional, com muito frango, da Padaria Sul América

Rei dos salgados no Brasil, a coxinha é o terror das pessoas que evitam frituras e o prazer das que se permitem deliciar com o quitute mais querido dos brasileiros.
Infelizmente, como a maioria das especiarias culinárias tupiniquins, quiçá do mundo, a coxinha não possui registros históricos oficiais.
Acredita-se, no entanto, que o salgado tenha surgido do gosto por galinhas do filho da Princesa Isabel e do Conde D’Eu, que moravam numa fazenda no interior de São Paulo, em Limeira. O garoto, recluso devido a uma delimitação mental, era cheio de caprichos. Sempre que gostava de alguma comida, encasquetava com a dita cuja e exigia que sua cozinheira preparasse apenas o prato da vez: o frango.
Certo dia, da falta de frango suficiente para fazer os pratos que o garoto lhe pedira, a cozinheira da família resolveu transformar uma galinha inteira em coxas. Teria surgido assim a popular coxinha, que depois de experimentada pela Imperatriz Tereza Cristina, ganhou fama nas festas da realeza da época.
A história parece um tanto inventada, mas o que nos interessa mesmo, é que a coxinha existe! Aqui em Petrópolis não é diferente, o salgado é o mais procurado nas lanchonetes e padarias.
–Vendemos mais de 100 coxinhas por dia, é sem dúvida um dos salgados mais procurados aqui da Padaria Sul América – conta Fábio Rego.
Existe uma infinidade de sabores para o famoso salgado – como carne e pizza – e, recentemente, ele começou a receber alguns retoques gourmets. Mas a coxinha original e mais popular é, sem dúvida, a de frango – com ou sem catupiry. Nesta edição apresentamos algumas versões. Confira e se delicie!

Na sequência de fotos: Coxinha com recheio de camarão do Ponto Doce (2), Coxinha bechamel da Casa Mojira Kan  Delicatessen & Padaria Artesanal (3) e Coxinha com massa temperada do Sr. Gastão (4). Fotos MS Comunicação



Nenhum comentário:

Postar um comentário