quarta-feira, 6 de março de 2013

Colomba Pascal: as Pombas de Pavia (Itália)



Com a representação do Espírito Santo, o pão consagra sua tradição e ganha o paladar dos brasileiros.
Com as proximidades semana da santa, começamos a nos preocupar com as reuniões de família, as tradições e, principalmente, com o cardápio do domingo de páscoa. Mas um alimento em especial há alguns anos popularizado no Brasil, vem marcando cada vez mais presença nas mesas da páscoas em muitos lares ao longo do país, a Colomba Pascal. A Colomba é um adereço alimentar muito presente nesta época.
A colomba ou pomba pascal, como foiçou conhecida na Itália é um pão doce e enfeitado com a forma de ave, é um símbolo cristão. A forma de pomba era utilizada muito freqüentemente nos antigos sacrários onde se reservava a Eucaristia. O símbolo eucarístico se converteu logo no pão doce que costuma ser compartilhado, em alguns países europeus - especialmente na Itália - no café da manhã de Páscoa e da "Pasquetta", a segunda-feira de Páscoa. Nos últimos anos, a Colomba Pascal já é encontrada a venda no Brasil e começa a se tornar tradição nas manhas de páscoa, assim como o panetone no natal. De sabor é suave e preparo delicado, seu gosto se diferencia do Panetone, pelo uso mais acentuado de cascas de laranja cristalizadas, que substituem as uvas passas de seu “irmão natalino”. Sua receita contém mais manteiga e ovos e pode receber cobertura de glacê, amêndoas ou ainda chocolate aromatizado, apresentando inclusive algumas decorações requintadas.
O Surgimento
Uma lenda conta que o rei lombardo Albuíno, raivoso com os problemas da guerra, com a resistência militar na cidade de Pavia, se acalmou e desistiu de sua vingança depois de ganhar de um padeiro de Pavia um doce com a forma de uma pomba, preconizando a paz.
Muitas histórias estão ligadas aos símbolos da Páscoa, entre elas, a colomba pascal. Ao norte da Itália, em Lombardia, vilarejo de Pavia, houve uma invasão local do exército de Albuino, o rei dos lombardos. Um confeiteiro do local resolveu preparar um presente para o invasor. Criou um bolo diferente, preparado com ricos ingredientes e assado no formato da pomba da paz. Quando recebeu o presente, o invasor ficou encantado com o sabor do bolo e a sensível ideia e decidiu poupar o vilarejo do ataque. Desde então o bolo simboliza a vinda do Espírito Santo.

A tradição rodou o mundo, chegou ao Brasil e Em Petrópolis não poderia ser diferente. De olho na procura por produtos voltados à páscoa, o comércio se prepara para atender aos paladares mais exigentes, com o que há de melhor na gastronomia. Sempre atenta às necessidades do público, a Sul América Padaria e Confeitaria preparou algumas sugestões ara sua páscoa, são bolos e tortas a base de chocolate e claro versões diferenciadas da Colomba, brincando com cores e variando a maneira de confeitar o pão. A tradicional que pode ser coberta de chocolate é uma boa pedida, mas, para quem quer fugir do óbvio, há as versões de farofa doce e coloridas cobertas de confete lembrando os também famosos cupcakes - bolinhos coloridos. Uma boa maneira de deixar a mesa da páscoa divertida e atrair ainda mais a atenção da criançada.

SERVIÇO:
Sul América Padaria e Confeitaria
Rua do Imperados, 1033 – Centro
(24) 2243-8767 / (24) 2242-3156

Nenhum comentário:

Postar um comentário