segunda-feira, 25 de junho de 2012

Bebericando: O Vinho encontra a Cerveja

Dedicada à produção de vinhos dentro do conceito boutique, com tiragens limitadas e alto valor agregado, a vinícola catarinense Villaggio Grando amplia os seus horizontes iniciando a produção de cervejas artesanais, com o lançamento da cerveja Patrona Alt.
Ao longo de 2011, a vinícola se uniu ao cervejeiro Gustavo Fezer para juntos desenvolverem uma cerveja artesanal de alta qualidade, que conta com o incremento de sabores e aromas obtidos a partir de processos utilizados na produção de seus vinhos.
Alt é uma cerveja de alta fermentação,  um estilo tradicional da Alemanha. No processo de fabricação da vinícola, ela passa por um estágio em barricas de carvalho e uma segunda fermentação dentro da própria garrafa, semelhante ao processo de obtenção dos vinhos espumantes.
O resultado é uma cerveja encorpada de alta cremosidade e persistência, com cor marcante, lupulagem nobre e teor alcóolico de 7,3%, cuja receita de malte conta com seis variedades distintas em sua composição, todas oriundas da Europa. A levedura  é preservada no interior da garrafa, parte do método artesanal sem filtragem.
A cerveja Patrona Alt  deve ser armazenada na posição vertical, em ambiente fresco e protegido da iluminação,  para melhor preservar as suas características de guarda. Seu consumo deve ser feito sempre em copos de vinho tinto de bojo grande. Somente assim é possível apreciar na totalidade os sabores e aromas do produto.
Contando com a reconhecida qualidade da Villaggio Grando, a Patrona Alt se insere no valorizado e diversificado segmento de cervejas premium e será comercializada em garrafas de 750ml ao preço médio de R$ 30,00.
Patrona Alt, a Fusão do Mundo da Cerveja e do Vinho!
Localizada no município de Água Doce, nos campos de altitude de Santa Catarina, a vinícola Villaggio Grando reúne características ímpares de solo e clima, próprios para o desenvolvimento de seus vinhedos. São 42 hectares e 13 variedades de uvas, cultivadas em harmonia com à natureza, para a produção de vinhos tintos, brancos, rosé e espumantes em tiragens limitadas, que traduzem o terroir autêntico de umas das regiões mais frias do país.


Nenhum comentário:

Postar um comentário